// Dia 27 de Abril | Sexta-Feira
Ruas no entorno do Dragão do Mar
16:00H | Le Mur | Narcélio Grud | Arte Urbana

Narcélio Grud iniciou-se artisticamente através do programa de televisão Daniel Azulay, ainda quando criança. Teve seus primeiros contatos com o pincel a jato, o spray, no final dos anos 80 e inicio dos anos 90, quando se iniciou na cidade de Fortaleza, o movimento da pixação. Era um dos mascotes por ser o mais jovem entre a galera. Skatista e adepto do movimento punk, inquieto por natureza, foi expulso de 11 colégios e teve um momento de transição marcante em sua vida quando pixou uma Delegacia de Polícia com a frase: 'Vende-se Maconha' e escreveu na viatura: 'Entrega a Domicílio', além de ter feito vários desenhos espalhados pela cidade. Este fato, lhe deu notoriedade e as pessoas começaram a lhe convidar para realizar trabalhos diversos, o que ajudou a despertar algum interesse pela arte. No decorrer do percurso, desenvolve diversas pesquisas dentro das práticas de Arte Urbana e afins o que o levou a participar de Exposições e Festivais em diversos países da Europa e das Américas e lhe rendeu alguns prêmios. Tem formação em Design, é o idealizador do Festival Concreto - Festival Internacional de Arte Urbana que acontece bienalmente no Ceará e publicou em 2014 o livro: A Arte Urbana do Nordeste do Brasil.

Na pintura, Narcelio Grud desenvolve uma temática que aborda a questão das relações, do outro como complemento, das fusões. Os seres que habitam se mostram meio humanoides, meio androgenos, um mix entre a matéria e o espírito... Sem boca, sem ouvidos, de olhos fechados, uma comunicação possível e profunda... Outras pesquisas estão se mesclando a cada dia nas linguagens que ele desenvolve. Esculturas sonoras, esculturas de vento, construção de ferramentas pra ações de arte urbana, imagens em movimento, texturas...